A política pode se tornar uma forma eminente de caridade e servir a paz se respeitar e promover os direitos humanos, construir cidadania, encorajar os jovens. É o que afirma o Papa Francisco na Mensagem para o 52º Dia Mundial da Paz a ser celebrado em 1º de janeiro.

Publicado em Papa Francisco