fbpx

Diocese divulga decreto suspendendo missas e outras medidas para o combate ao coronavírus

Celebrações estarão suspensas a partir do dia 23; documento foi assinado na tarde de hoje, após reunião com Colégio de Consultores

Redação | Quarta, 18 Março 2020 17:38
Diocese divulga decreto suspendendo missas e outras medidas para o combate ao coronavírus

No intuito de preservar, defender e cuida da vida, o Bispo Diocesano de Campo Limpo, Dom Luiz Antônio Guedes, assinou e tornou público Orientações, diante da proliferação do Novo Coronavírus (COVID-19), medidas temporárias e emergenciais de prevenção de contágio.

 

São Paulo, 18 de março de 2020.

 Aos

Párocos, Administradores e Vigários Paroquiais da Diocese de Campo Limpo, 
Delegados paroquiais, Coordenadores das Pastorais Diocesanas,
Líderes de movimentos e novas Comunidades, 
Casas das Congregações Religiosas e Consagrados e Consagradas.

 Ref.: Orientações sobre O COVID-19

Caríssimos irmãos e irmãs em Cristo, Paz e bem! 

              A vida é dom e compromisso!
Neste momento difícil para todos, recordamos o ensinamento da Palavra: 
“cuidai do rebanho de Deus que está sob o vosso cuidado” (1Pd 5, 2). 

No dia 13 de março, através de nosso bispo, Dom Luiz Antônio Guedes, nossa diocese decretou orientações e normas pastorais para colaborar no esforço conjunto de nossa sociedade no combate ao contágio do COVID-19, o novo corona vírus. É preciso reiterar a colaboração de todos, sem exceção, para que sigam as orientações das autoridades competentes no que diz respeito às mudanças de hábitos para prevenir o contágio.

Ainda, observando a variedade de situações pastorais que requerem maior atenção, sobretudo por envolverem a aglomeração de pessoas, em reunião extraordinária, o Bispo diocesano e o Colégio dos Consultores apresentam as novas orientações:

  1.  Conforme prevê o Canôn 87 § 1, a partir de segunda feira, dia 23 de março  até dia 30 de abril, fica suspensa em todo território diocesano a realização pública das Santas Missas e Celebrações da Palavra, diárias e dominicais, permanecendo os fiéis desobrigados a cumprirem o preceito dominical. No entanto, conforme Canôn 904 do Código de Direito Canônico, exortamos todos os sacerdotes a celebrarem cotidianamente, em forma privada a Santa Missa em favor do Povo de Deus. Os fieis acompanhem as Santas Missas transmitidas pela tv, internet e rádio. Nossas igrejas permaneçam abertas, limpas e bem ventiladas.
  2.  Sejam suspensas as atividades de catequese nos diversos níveis, até que a situação seja normalizada;
  3.  Sejam suspensos os mutirões de confissão e não sejam realizadas celebrações penitenciais comunitárias;
  4.  Sejam suspensas e oportunamente remarcadas as celebrações de Batismo e  Primeiras Comunhões e não se deixe de realizar batismo de emergência; 
  5.  A respeito das cerimônias de matrimônio, os padres dialoguem com os noivos sobre a possibilidade de transferir, sem grave prejuízo, sendo cada caso tratado singularmente;
  6.  Através das redes sociais, promover momentos virtuais de oração e espiritualidade, compartilhar homilias e estar disponível para atender a todos que precisam de uma palavra de conforto e sintam-se amparados neste momento difícil;
  7.  Comunicamos que todos os eventos e formações de âmbito diocesano realizados pelas pastorais, movimentos e novas comunidades estão cancelados por tempo indeterminado;
  8.  As missas da Unidade nas Foranias agendadas para o mês de maio e a Festa da Unidade, que aconteceria no Ginásio de Esportes de Itapecerica da Serra no dia 31 de maio, estão canceladas;

Este decreto foi refletido e assumido no Colégio Diocesano de Consultores.  Seja ele acolhido com espírito de comunhão e solicitude. Outras orientações serão encaminhadas na reunião já marcada para próxima quarta feira.

Convidamos todos à oração pelas vítimas, pelas autoridades, pelos médicos e profissionais da saúde e por todo o povo de Deus para que cumpram as medidas de cuidado pela vida que é dom e compromisso de todos.

 

Dom Luiz Antônio Guedes
Bispo Diocesano de Campo Limpo

 

Pe. Manoel Côrrea Viana Neto
Secretário do Colégio de Consultores