Voluntários recolhem lixo e ‘gritam’ por socorro dos córregos de Campo Limpo

Redação | Segunda, 08 Outubro 2018 11:27
Voluntários recolhem lixo e ‘gritam’ por socorro dos córregos de Campo Limpo Andrea Rodrigues

Pensando em controlar os fatores ambientais que podem influenciar negativamente a saúde das pessoas, o Fórum das Pastorais Sociais - Região episcopal 1, a Pastoral da Ecologia e a Conselho Nacional do Laicato - da Diocese de Campo Limpo, organizaram a 1ª Caminhada pela Saúde Ambiental de Campo Limpo.

Com o apoio do Padre Reinaldo Sussumo Akagui, da paróquia Santo Antônio, forania Capão Redondo, de onde saiu à caminhada, um grupo de pessoas andou por cerca de dois quilômetros e meio as margens do Córrego das Moendas até o Parque Santos Dias, na Cohab Adventista, fazendo paradas estratégicas para conscientização da população sobre o descarte de lixo e como forma de reivindicação para que este córrego, que corta boa parte dos bairros desta forania, seja incluído no Programa Córrego Limpo, da prefeitura de São Paulo.

A saúde ambiental está baseada a partir da perspectiva da saúde, ou seja, aos temas relacionados ao abastecimento de água, ao esgoto sanitário, a imunização infantil, poluição ambiental e medidas de higiene em uma comunidade. Panfletos com alertas e prevenção de doenças foram distribuídos e durante todo o trajeto, os lixos encontrados a margem do córrego foram sendo recolhidos pelos voluntários, que gritaram frases de efeitos sobre preservação e cuidado com a natureza.

No parque, crianças, jovens e adultos, em um grande círculo, aproveitaram a sombra das árvores para conversar a respeito das caminhadas futuras e elegeram, em comum acordo, o Córrego das Moendas, dentre os mais dezoito existentes nesta parte da cidade, como prioridade no pedido junto à prefeitura para a inclusão no plano de despoluição.

"A mensagem que a gente leva a todos é a preservação. A gente está tentando mostrar que esta ação é um sinal de vida. Estamos plantando a nossa semente. Cabe a cada um aprender e acolher que a natureza é importante, é a nossa vida. Se não mostrar para as nossas crianças uma educação ambiental, nós não temos futuro", ressaltou Manoel Humberto, do Fórum das Pastorais Sociais.

IMG5984
IMG5987
IMG5982
IMG5983
IMG5975
IMG5981
IMG5986
IMG5976
IMG5978
IMG5988
IMG5991
IMG5989
IMG5996
IMG5993
IMG5992