Conselho Missionário do Sul 1 realiza Encontro Estadual

CNBB Sul 1 | Terça, 03 Setembro 2019 10:35
Conselho Missionário do Sul 1 realiza Encontro Estadual Sheyla Oliveira

No último final de semana, de 30 de agosto a 01 de setembro, em Itapetininga (SP), aconteceu o 39º Encontro Estadual Missionário do Conselho Missionário Regional (COMIRE) do Regional Sul 1 da CNBB, do Estado de São Paulo, com o tema: “Batizados e enviados! A Igreja de Cristo em missão no mundo”. Com alegria a diocese de Itapetininga acolheu um grupo de 178 missionários, representantes de 27 dioceses que compõem o Regional Sul 1 sacerdotes, seminaristas, religiosos e religiosas e fieis leigos que em suas diocese animam a missão da Igreja.

Dom Gorgônio Alves da Encarnação Neto, bispo de Itapetininga presidiu a celebração de abertura desejando um bom encontro e que todos possam voltar a suas dioceses fortalecidas para continuar a missão de Cristo. Dom Bertanha agradeceu a acolhida e o trabalho de todos os envolvidos no encontro e apresentou Dom José Carlos Chacorowski, novo bispo referencial para a Ação Missionária.

Pe. Maurício da Silva Jardim, coordenador das Pontifícias Obras Missionárias, conduziu o primeiro dia formativo aprofundando o tema: Batizados e enviados: “O Batismo nos insere como colaboradores na missão que nasce do seio da Santíssima Trindade”, renovando com sua temática a consciência de que todo Batizado é enviada a continuar a missão iniciada por Deus Criador, tendo como modelo o próprio Cristo e o Espírito como a força impulsionadora da missão. Convidou todos a revisitar sua pia batismal e seu encontro pessoal com Jesus Cristo, “…pois o missionário é um apaixonado pela vida em Cristo e deseja naturalmente comunicar o amor transbordante de Deus”.

“Si o Coração não arde os pés não andam”, esta frase sintetizou o objetivo do 39º Encontro Estadual, pois o batizado precisa ter vivo a alegria e a certeza do “sim” batismal que recebemos em nome da Santíssima Trindade, para que com isso possa tomar a iniciativa de juntos como comunidade, caminharmos em direção ao anúncio do amor transbordante de Deus para toda criatura, até a missão ad gentes.

O encontro com alegria recebeu o testemunho da Dra. Pediatra Mônica Guarnieri Machado, que esteve em missão por dois anos na Guiné Cronacri e de quatro anos em Moçambique. O testemunho dela emocionou muitos e serviu como forma de animar a busca dessa essência missionária, “[…] é uma alegria imensa ver a nossa Igreja se transformando e se tornando cada vez mais missionária na sua essência…”.

Essa animação missionária pode atingir diversos missionários que estavam presente, o Pe. Ace Marbella Valdez, missionário do PIME (Pontifício Instituto das Missões Exteriores) resumiu o encontro dizendo “[…] esse encontro estadual missionário foi muito bom, muito lindo, que reuniu muitas pessoas, aliais muitos missionários e missionárias, isso ajuda a Igreja a despertar mais essa consciência missionária…” e terminou sua fala dizendo “[…] espero que essa iniciativa possa continuar.” Outra pessoa atingida por essa animação foi o seminarista Religioso Diego de Araújo, da Congregação dos missionários Saletinos, comentou do evento dizendo “[…] é uma alegria vivenciar esse momento que é produtivo, que nos anima, que nos coloca a serviço da missão, a serviço dessa Igreja, a pedido do nosso Papa…”.

A equipe do COMIRE juntamente ao Dom José Bertanha apresentaram os trabalhos dos projetos missionários na Amazônia e na África animando todos colaborarem neste projeto do nosso regional.

O encerramento desse encontro se concluiu com a Santa Missa presidida pelo atual bispo referencial para Ação Missionária, Dom José Carlos, enviou todos os presentes a serem missionários em tempo integral, por meio de sua natureza batismal. Todos receberam um crucifixo, replica da cruz do Mês Extraordinário Missionário, como forma de materializar o sentido dela que é recorda a Páscoa de Jesus que ilumina nossa vida e a missão.

Próxima edição

Ao final do encontro, foi anunciada a diocese que irá sediar a próxima edição, que será realizada em 2020. A escolhida foi Campo Limpo, diocese da sub-região SP2.

De Itapetininga, colaboraram Carlos Vitor Nascimento de Sousa e Sheyla Oliveira, membros do COMIDI da Diocese de Campo Limpo